Seguidores

O espaço é infinito, não há trevas nem vazios, tudo é luz! - Por Antão José Lopes da Luz

Todos os mundos que gravitam no espaço são constituídos de força e matéria! O Espaço é o Infinito. Nele não há trevas, não há vazios, tudo é luz penetrante, essa luz que dá vida a tudo, tanto na Terra como no Espaço, essa luz Astral Superior que é inteligência, inconfundível com a do mundo físico, que é puramente material.

É nesse Espaço que rolam os milhares de milhões de mundos, todos habitados por partículas do Grande Foco que, quando encarnados neste mundo se chamam almas ou espíritos.

Para mais fácil se tornar a compreensão das diferentes categorias dos espíritos, pelos seres que na Terra tudo subordinam ao seu intelecto e, portanto, à curta medida dos seus conhecimentos, os dirigentes astrais do Racionalismo Cristão classificaram os espíritos em 33 categorias, portanto, da 1.ª á 33.ª classe de mundos.

A matéria, segundo elemento componente do Universo (o primeiro é a Força/Inteligência) é, por isso, o componente de todos os corpos, quer físicos, quer astrais e de todas as auras, as atmosferas que envolvem os mundos que rolam no Espaço. Os mundos de estágio, onde a existência é imaterial, são as moradas das partículas da Inteligência Universal – espíritos ou almas, quaisquer que sejam suas categorias.

Como milhares de milhões são esses mundos, milhares de milhões são também os estados ou categorias da matéria.
Os espíritos, nas suas moradas, constituem um TODO DE LUZ. Cada morada dos espíritos é envolvida por sua própria atmosfera (aura), que é matéria!

Partindo do princípio da existência de milhares de milhões de categorias/qualidades de matéria, com facilidade se compreende que a matéria componente da atmosfera dos mundos evoluidíssimos, tal é a diafanidade, de tão brilhante, quase que chega a confundir com a LUZ. Todavia é sempre matéria!

Se as moradas dos espíritos de luz puríssima (de 26.ª à 33.ª classes) não tivessem aura/atmosfera, portanto, matéria, esses espíritos não poderiam deixar, por um segundo que fosse, seus respetivos mundos. Isso não é plausível, pois, representaria uma limitação de movimentos, porque quanto mais evoluída é a parcela do Grande Foco, maior terá que ser a sua liberdade no espaço, de acordo com as leis que tudo regem. Mas, para se moverem nesse espaço infinito e belo, as partículas necessitam de um veículo e esse, segundo Pitágoras, é o seu corpo astral, o “carro da alma”, constituído de matéria da aura que envolve cada mundo.
Limpeza Psíquica

Luiz de Mattos, entre muitas outras afirmações, garantiu;

Todos os mundos que gravitam no espaço são constituídos de força e matéria

Com efeito, os espíritos encarnados, dada a sua limitada posição na escala evolutiva, apenas podem conjeturar a respeito do que se passa nos mundos espirituais. Todavia, o fundador desta Doutrina, o grande Mestre Luiz de Mattos brindou aos seres de boa vontade, com as suas lições sobre o Universo e cada ser, de acordo com seu intelecto e sua espiritualidade, fará interpretação própria.

O Astral Superior ressaltou numa de suas recentes doutrinações que;

“Somente espíritos de alto nível de espiritualidade, com grande desprendimento da matéria, dos sentimentos negativos, dos campos emocionais danosos, obtêm intuições reveladoras e inovadoras sobre a essência do Universo”.

E foi nesse contexto que, aproveitando a elevadíssima espiritualidade do codificador, aliado à sua capacidade intuitiva, revelou alguns conhecimentos do que sabe ser a Verdade Universal.

No entanto, os espíritos encarregados da evolução deste planeta, em obediência absoluta às leis naturais e imutáveis que regem o Universo, não podem demonstrar ao Homem aquilo que cabe ao Homem saber/descobrir, através do estudo e do raciocínio, porque para todos os fenômenos físicos e espirituais há explicações lógicas, à luz das leis atrás referidas.

Portanto, compete aos cientistas terrenos fazer a demonstração daquilo que foi revelado ao fundador e codificador Luiz de Mattos pela via da intuição e consta da Obra RACIONALISMO CRISTÃO.

Essa demonstração científica pode demorar e certamente vai mesmo porque, primeiramente;
há necessidade de mudança de paradigma da ciência atual permitindo novas formas de experimentação, aceites como científicas”.

Mas, como consolação, também se sabe que cientistas no Espaço estão empenhados em auxiliar seus companheiros encarnados.

A caminhada ascensional da partícula da inteligência universal, rumo ao Grande Foco, é eterna.

"O quarto planeta potencialmente habitável na nossa galáxia acaba de ser descoberto, 22 anos-luz da Terra. Este planeta, chamado de GJ 667Cc, é grande demais para ser chamado gémeo da Terra. Ele pode ser mais apropriadamente chamado Big Brother da Terra. GJ 667Cc é de 4,5 vezes a massa da Terra e a sua orbita é de 28,15 dias, mais ou menos o equivalente a um mês da Terra.

Um grupo internacional de cientistas, que publicaram seu anúncio no Astrophysical Journal Letters, dizem GJ 667Cc é o melhor candidato até agora "para conter água líquida e, talvez, a vida como a conhecemos."

E o físico teórico Dr. Michio Kaku descreve essa busca do irmão gêmeo da Tera como “o espírito santo (holly grail) da astronomia planetária”, assim dos planetas potencialmente habitáveis, o próximo passo é discernir sobre suas atmosferas; contém oxigênio? Tem água? Após enviar dispositivos de escuta para “ver se há alguma emissão de rádio de seres inteligentes sobre esses planetas”.

O espaço é infinito, não há trevas nem vazios, tudo é luz!
Por: Antão José Lopes da Luz
Colaboração na edição e revisão: Wilson Candeias
Fonte:

Tags: 

Seguidores

Vale a pena visitar