O espírito é luz, é inteligência, é vida, é poder criador e realizador. Nele não há matéria em
nenhum dos seus estados. É, portanto, imaterial. Ele é indivisível, eterno, e evolui para o
aperfeiçoamento cada vez maior. Partícula individualizada, assim se conserva em
toda a trajetória que faz no processo da sua evolução.
— Luiz de Mattos – Fundador do Racionalismo Cristão

Google+ Followers

A finalidade máxima do Racionalismo Cristão



A finalidade máxima do Racionalismo Cristão é a de preparar os espíritos para a luta e para o sofrimento, porque uma criatura fraca não aceita com serenidade aquilo que lhe possa acontecer de nocivo ou indesejável.

A finalidade máxima do Racionalismo Cristão
Por CECÍLIO REIS LONGHI

Fonte:
Livro Para Quando os Reveses Chegarem


Poderá gostar de conhecer: